11/08/2013

11 de Agosto, Dia da Televisão

No dia 11 de agosto comemora-se o dia da televisão, data que homenageia Santa Clara, oficialmente reconhecida como padroeira da TV, pelo Papa Pio XII, em Roma.
Sua mãe, ainda grávida, recebeu uma mensagem que dizia que sua filha traria a luz ao mundo, motivo pelo qual recebeu o nome de Clara.
De família nobre, Clara se entregou à vida devota da caridade, seguindo os princípios de São Francisco de Assis, de pobreza e fraternidade.
Santa Clara, a padroeira da televisão
As primeiras transmissões televisivas foram feitas no início do século XX, através de ondas eletromagnéticas enviadas pelas transmissoras de televisão. Mas foi através da invenção do russo Vladmir Kosma Zworykin, o iconoscópio, que chegou-se a televisão que conhecemos.
A partir da década de 30 as transmissões televisivas tornaram-se regulares, nos Estados Unidos e Europa.


Rapidamente entraram em funcionamento as redes NBC (National Broadcasting Company) e a CBS (Columbia Broadcasting System), sendo seguidas pela BBC, de Londres.
Até então, as transmissões televisivas eram em preto e branco, sendo que o modelo a cores passou a funcionar a partir de 1954.
Nos anos 70 a televisão teve o seu ápice, sendo comercializada em grandes quantidades, tornando-se rapidamente um importante veículo de comunicação.
A partir dos anos 90, surgiu nos Estados Unidos os canais de televisão por assinatura, com transmissão a cabo, feita através de códigos que só são liberados com a compra do produto. Esse modelo de TV chegou ao Brasil rapidamente, mas popularizou-se somente após os anos 2000.
Ao longo de sua história, a televisão foi passando por transformações, estando cada vez mais aperfeiçoada. Hoje em dia podemos contar com transmissões digitais, sendo os aparelhos desenvolvidos com tecnologia de cristal líquido, com imagens e sons perfeitos.
No Brasil, segundo dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), 90% da população do país conta com esse tipo de aparelho em suas residências. “A baixa escolaridade e a falta do hábito de leitura são alguns fatores que explicam a grande força da televisão no Brasil e em toda a América Latina”.
Até 2006, os canais e emissoras televisivas no Brasil chegaram ao número de 416, além das retransmissoras que chegam a quase dez mil. Dessas, algumas exercem o poder de massificação sobre a população, por serem as maiores e terem seus sinais de transmissão espalhados por quase todo o território nacional.

Por: Jussara de Barros
Graduada em Pedagogia
Equipe Brasil Escola

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Leia antes de fazer seu comentário:

- Os comentários do blog são moderados e serão liberados após constatação de que estão de acordo com o assunto dos post.
- Os comentários não refletem a opinião do autor.
- Comentem à vontade. Dê sua opinião, sugestão ou reclamação.
- Me sigam no Twitter: @pedrogabriel13p
- Lembrem-se de curtir a fã Page do Blog na Lateral.
- Me sigam também no Instagram: @BlogDoPedroGabriel

Desde já agradeço a atenção de vocês e espero que voltem ao Blog do Pedro Gabriel quantas vezes quiserem ;)

Blog do Pedro Gabriel | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © 2012 - 2018 | POR:
COMPRE AQUI O LAYOUT QUE SEU BLOG MERECEBILLION DOLLAR LAYOUTS