01/08/2016

Resenha: Filme "Dália Negra", de Brian De Palma (2006)


Com direção do cineasta norte-americano, Brian De Palma, roteiro de Josh Friedman, produção de Art Linson, Moshe Diamant e Rudy Cohen, o longa metragem “Dália Negra” foi lançado no ano de 2006 nos cinemas. A obra cinematográfica é uma adaptação de um romance do escritor James Ellroy, que foi publicado em 1987. 

O filme mostra as consequências do assassinato de uma jovem bonita e sonhadora, chamada Elizabeth Short, interpretada pela atriz Mia Kirshner, que foi assassinada de maneira cruel. O seu corpo foi torturado, retalhado e jogado num terreno baldio de Los Angeles. Após isso, iniciou-se uma caçada contra o assassino de dela.

Bucky Bleichert, interpretado pelo ator Josh Hartnett, e Lee Blanchard, interpretado pelo ator Aaron Eckhart, são policiais e ex-lutadores de boxe que foi promovidos a detetives. Grandes amigos, Bucky e Lee vivem um triângulo amoroso com a loira Kay Lake, interpretada pela atriz Scarlett Johanson, mas ao longo da investigação do assassinato de Elizabeth, Lee vai ficando obcecado com o caso e vai estremecendo essa relação. Para completar, Bucky se envolve com uma mulher sedutora que já teve um envolvimento com Elizabeth. O que ele não esperava é que essa mulher sedutora é capaz de coisas absurdas para conseguir o que quer. 


O longa é do início ao fim um filme do gênero Noir. As características são evidentes o tempo todo, a começar pela narração em Off de Bucky durante o filme. As tramas são tão entrelaçadas que em alguns momentos chega a ser confuso de acompanhar a história. Em relação aos segredos e mistérios, o filme seguiu fielmente a característica forte dos filmes Noir. “Dália Negra” consegue fisgar o espectador e deixa ele na expectativa de ver o corpo de Elizabeth retalhado, que só é revelado bem mais adiante no filme. As sombras serviram para deixar a trama ainda mais misteriosa. 

Geralmente, os filmes Noir tem uma Femme Fatale, em “Dália Negra” não é diferente, mas o espectador chega a ficar em dúvida qual das duas mulheres sedutoras pode ser considerada a Femme Fatale. Quem ficou no comando da Direção de Fotografia foi Vilmos Zsigmond, que teve o privilégio de ver “Dália Negra” ser indicado ao Oscar de Melhor Fotografia. Um destaque especial para Fiona Shaw. Sua atuação foi digna de Oscar. O elenco do filme ainda contou com Hilary Swank, Rose McGowan, Mike Starr, James Otis, dentre outros.

Mesmo o filme sendo baseado numa história real de um assassinato sem solução desde os anos 40, Brian De Palma e Josh Friedman conseguiram levar essa história para as telonas da forma mais instigante possível e ainda dar um final surpreendente. 


Me acompanhe nas redes sociais: 
Instagram | Twitter | Facebook | Skoob | Spotify: PedroGabrielB

2 comentários:

  1. - E por pura coincidência também, ontem li sobre ela e ainda vi o trailer. Eu amo ver ela na primeira temporada de American Horror Story. Muito bom!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anderson, e eu nem sabia que tinha ela em AHS. Só aumentou ainda mais a minha vontade de ver a série.

      Excluir

Leia antes de fazer seu comentário:

- Os comentários do blog são moderados e serão liberados após constatação de que estão de acordo com o assunto dos post.
- Os comentários não refletem a opinião do autor.
- Comentem à vontade. Dê sua opinião, sugestão ou reclamação.
- Me sigam no Twitter: @pedrogabriel13p
- Lembrem-se de curtir a fã Page do Blog na Lateral.
- Me sigam também no Instagram: @pedrogabrielse

Desde já agradeço a atenção de vocês e espero que voltem ao Blog do Pedro Gabriel quantas vezes quiserem ;)

Blog do Pedro Gabriel | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © 2017 | POR:
COMPRE AQUI O LAYOUT QUE SEU BLOG MERECEBILLION DOLLAR LAYOUTS