15/01/2018

Resenha: "Morri para viver", de Andressa Urach

Resenha por: Pedro Gabriel
Obra: Morri Para Viver
Autora: Andressa Urach
Editora: Planeta de Livros
Gênero: Biografia/Autobiografia/Memórias
Páginas: 240
Ano: 2015
Onde Comprar: Amazon - Físico ou E-book
Adicione: Skoob
Nota: ★★★★☆ Muito bom!

SINOPSE: As confissões surpreendentes de uma das personalidades da mídia que se tornou conhecida no Brasil por suas polêmicas.
A insana obsessão por dinheiro e sucesso, a rotina no bordel onde construiu seu nome de guerra e os bastidores da vida de Andressa Urach. Está tudo descrito em Morri para viver, livro que narra a trajetória desta, que chegou a ser considerada uma das prostitutas mais caras e cobiçadas do Brasil.
Dos casos secretos com clientes milionários e famosos, empresários, cantores, jogadores de futebol, artistas, bandidos, religiosos; passando por seu vício em cirurgias plásticas (Andressa chegou a cogitar amputar os dedos, só por que não gostava do tamanho dos pés!), o livro narra a chocante e constrangedora vida que ela levou até a inacreditável experiência de quase morte no coma e a sua busca por redenção. 
 
Recomeço!

Essa palavra define a vida da Andressa Urach após sua luta intensa contra a morte, devido a busca incessante pelo corpo perfeito. E é na autobiografia "Morri para viver - Meu submundo de fama, drogas e prostituição" que ela conta tudo sobre esse momento superação e sua vida de luxo e autodestruição.
 

Co-escrito pelo jornalista Douglas Tavolaro, a obra está dividida em 4 capítulos: Minha alma em coma, Passado revelado, O labirinto da fama e Eu me venci. Dessa forma, vamos conhecendo a Andressa Urach que no caminho da morte encontrou Deus.

No decorrer dos capítulos, Andressa relata, com riqueza de detalhes, os momentos marcantes da sua vida, como a busca pelo corpo excelente, sua vida na prostituição para sustentar o filho e depois somente por ambição e prazer, fala dos abusos sexuais que sofreu quando ainda era criança, do uso de drogas, confusões em que se envolveu, experiências sexuais com animal e famosos, e muitos outros assuntos polêmicos.


"A sede de dinheiro e o impulso pelo sucesso exterminaram meu caráter e me transformaram em um ser humano sem valores."

Sobre a vida na prostituição, Andressa escancara a dura realidade dessa profissão. Conta que teve lá os momentos de 'glória' - na visão antiga dela - mas sofreu bastante, sempre correndo risco de morte ou de ser presa. 

Conta que até mesmo era espancada por clientes com desejos bem peculiares entre 4 paredes.


Além dessas polêmicas, Andressa revela como foi sua experiência com a magia negra para subir na vida e destruir todos aqueles que se destacassem mais do que ela na prostituição. 

Ela ainda diz como foi o envolvimento dela com o famoso jogador de futebol, Cristiano Ronaldo. Esse caso foi somente um dos tantos que fizeram ela ganhar mais espaço na mídia, não foi a toa que tempo depois ela foi chamada para participar do reality show A Fazenda, da Record TV. Andressa também fala sobre essa experiência. 


Antes de comprar o livro, li alguns comentários na internet onde pessoas diziam que o livro foi escrito com a intenção de promover a Igreja Universal do Reino de Deus. 

Bom, eu não sei se essa foi a real intenção, mas pelo o que li eu não achei estranho em determinado momento a Andressa falar sobre a ajuda espiritual que teve dos pastores e frequentadores da igreja. 


Pelo contrário, levo esse momento do texto como uma forma de agradecimento a todas as pessoas que estenderam a mão no momento que ela mais precisou, enquanto outras simplesmente julgaram Andressa, mesmo quando ela estava quase morrendo. 

Enfim, a biografia "Morri para viver" é uma verdadeira história de superação. Confesso que conhecer mais a vida da Andressa despertou em mim - e, com certeza, vai despertar nos leitores - questionamentos importantes. 

Por exemplo, sobre a aceitação de ser quem somos, independente de ser magro, gordo, alto, baixo, negro ou branco. 


Devemos nos aceitar do jeito que somos. E a Andressa de antigamente não se aceitou. Só pensou na beleza externa e no final foi se destruindo tanto por dentro quanto por fora. 

O livro até mesmo serve de alerta para as pessoas sobre a poder destrutivo da Depressão, o uso de drogas, abusos sexuais, e abre os olhos dos leitores sobre o risco do excesso de plásticas na procura pelo corpo bonito.

"O hidrogel foi um maldito pesadelo na minha vida, um mero resultado de tantas insanidades cometidas na construção de um ilusório corpo ideal. Uma estúpida vaidade que quase me custou a vida. Na verdade, mais um sintoma do meu incontrolável vício em cirurgias plásticas."


Acima de tudo, o livro fala de como a muda a vida das pessoas. Em todo o momento Andressa ressalta que foi pela Fé que ela foi salva, e é pela Fé que ela quer ajudar a outras pessoas a (Re)construirem suas vidas pelo caminho certo e não o tortuoso que ela preferiu seguir anos atrás. 

Quer uma dica importante? Leia a obra sem preconceitos.

Como eu já disse, a obra foi co-escrita pelo jornalista Douglas Tavolaro. A publicação da obra foi realizada através da Planeta de Livros

A capa traz uma fotografia da Andressa Urach, a diagramação está muito bem organizada, a fonte tem um tamanho super agradável para a leitura, que eu lembre não vi nenhum erro ortográfico, o livro ainda possui 3 partes - no decorrer da leitura - com fotografias da Andressa em diversos momentos da vida - fotografias de arquivo pessoal e outras já divulgadas na internet. Por fim, não tenho que reclamar da edição da editora. Está muito bem feita. 

Foto: Iwi Onodera/EGO

"Naquele tempo, era admirada pelos desatinos que cometia. Todos me aplaudiam. 
 Agora, sou condenada por adotar uma fé que me reergue a cada dia. Sou criticada por crer na Bíblia, por falar de Deus e de um amor capaz de me transformar por dentro e por fora.
 Mas não importa. Hoje, pouco a pouco, construo um novo amanhã."



*Quando você compra na AMAZON através do Blog do Pedro Gabriel, você contribui para o crescimento do blog e criação de mais sorteios. 


Me acompanhe nas redes sociais:

Instagram | Twitter | Facebook | Skoob | Spotify: PedroGabrielB

Sugestão de pauta ou parceria:
pedrogabrielb@bol.com.br 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Leia antes de fazer seu comentário:

- Os comentários do blog são moderados e serão liberados após constatação de que estão de acordo com o assunto dos post.
- Os comentários não refletem a opinião do autor.
- Comentem à vontade. Dê sua opinião, sugestão ou reclamação.
- Me sigam no Twitter: @pedrogabriel13p
- Lembrem-se de curtir a fã Page do Blog na Lateral.
- Me sigam também no Instagram: @BlogDoPedroGabriel

Desde já agradeço a atenção de vocês e espero que voltem ao Blog do Pedro Gabriel quantas vezes quiserem ;)

Blog do Pedro Gabriel | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © 2012 - 2018 | POR:
COMPRE AQUI O LAYOUT QUE SEU BLOG MERECEBILLION DOLLAR LAYOUTS