02/04/2018

Resenha: "Proibido Pra Mim", de Halice FRS

Resenha por: Pedro Gabriel 
Obra: Proibido Pra Mim 
Autora: Halice FRS 
Editora: Publicação independente 
Gênero: Romance/Erótico/Ficção 
Páginas: 193 
Ano: 2014
Onde Comprar: Amazon - E-book | Instagram da autora 
Adicione: Skoob
Nota: ★★★★★ 
Livro cedido pela autora.
SINOPSE: Para Norah Mendes bastava ser a fotógrafa competente.Bastava ser a mãe, ser a tia considerada e aceita entre os amigos dos filhos.Então, jamais imaginaria que entre eles estive um que visse a mulher há sete anos esquecida, nem que ao descobrir o interesse fosse desejar um garoto tentador e proibido.


💗🎻👫

A jovem e competente fotógrafa Norah Mendes, 42 anos, há sete anos vive em luto desde a morte do marido Téo, 44, num acidente. Desde então, a sua maior distração era o trabalho e seus dois filhos, Cássio, 25, e Eliza, 22.

Foram sete longos anos 'lambendo as feridas' do passado e deixando de viver intensamente o presente. Pra ela, ainda é muito duro viver sem o marido, que era um homem muito carinhoso, atencioso. Seguir em frente sem ele é uma batalha diária.



"Era uma viúva conformada, mas restava o vazio no peito. Não preenchido nem com o amor pelos filhos."

Anita, assistente de trabalho de Norah, sempre foi uma grande incentivadora para que Norah voltasse a realmente viver e não apenas existir. Deixar o luto de vez e aproveitar a vida. Fazer algum curso pra ocupar a mente, fazer novas amizades, conhecer um novo amor... Viver.

Aproveitando os conselhos de Anita e a vontade de seguir em frente, Norah resolveu ter aulas de violão. Já era um avanço. 



Ela tinha o instrumento em casa. Um presente que ganhou de seu pai e que guardou com muito carinho, principalmente porque esse violão fez parte da vida dela com o marido, quando se divertiam arriscando algumas notas, mas nunca aprendeu a tocar de verdade.

Caio, 25 anos, amigo de infância de Cássio, sabendo que Norah gostaria de aprender a tocar violão, se ofereceu para dar as aulas particulares. Norah pensou e aceitou.


"- Não vou desistir. - Norah garantiu. - Depois que decido fazer uma coisa, vou até o fim.

 - Então somos parecidos, pois agora eu também vou até o fim.
 - Em quê? - Norah sentiu sua curiosidade aflorar.
- A senhora vai saber - disse enigmático, sorrindo abertamente.
- Garotos e seus mistérios! - ela deu de ombros."


Eles se conheciam desde quando Caio tinha 14 anos. O garoto, hoje um homem, sempre frequentou a casa de Norah e Cássio. Eram grandes amigos. O que Norah não imaginava era que, em segredo, Caio desde muito novo era apaixonado por ela. Ela sempre tratou ele como um filho, um sobrinho, assim como tratava dessa maneira os demais amigos de Cássio - que juntos formavam o 'quarteto fantástico'.

Para Caio, essas aulas de violão seria a grande a oportunidade dele demonstrar esse sentimento forte que nutria por ela. E ele realmente fez isso!

Confusa entre o amor que Caio sentia por ela e a atração mútua que ela foi começando a desenvolver por ele, além de Norah ter que enfrentar o preconceito da sociedade por Caio ser bem mais novo, ela terá que lutar contra um obstáculo ainda maior: seu filho Cássio. 

O rapaz é muito possessivo. Tem ciúmes incontrolável pela mãe. Saber da relação dela com o melhor amigo não será nada fácil. 



Qual será a reação de Cássio ao saber do relacionamento de Caio e Norah?
Será que esse amor resistirá ao ciúmes do filho e o preconceito da sociedade?
Ou será que eles irão desistir e seguir destinos diferentes? 


"O que esteve fazendo com a cabeça e o coração daquele garoto sem nem saber?

Queria dizer tantas coisas, mas faltavam palavras."


Com a história ambientada no Rio de Janeiro, "Proibido Pra Mim", escrito pela autora Halice FRS,  narra uma trama repleta de amor e erotismo, tendo como base um romance 'proibido'. 

E que romance... O amor do casal protagonista é lindo, intenso e verdadeiro. Assim que o romance dos dois se desenvolve, percebemos o quanto a sintonia deles é apaixonante. 



A história é tão envolvente que consegui devorar as 193 páginas do livro em 7h. Quando menos esperei, já tinha acabado. Fiquei impressionado, pois a leitura realmente me fisgou.

A escrita da autora é muito fluida, o que contribuiu bastante para que a leitura fosse tão boa. 

Os personagens foram muito bem construídos. Claro que o foco maior está em Caio e Norah, mas os personagens secundários conseguem, em determinados momentos, serem bem apresentados, principalmente Cássio e Eliza.

Enquanto Eliza era total apoio à mãe, Cássio nadava na direção contrária. Ele é tão possessivo que chega a ser estranho todo esse sentimento. Causa estranheza até para os personagens em determinados momentos da história.



Já conhecer a Norah foi fascinante. Que mulher! Ela  realmente precisava de uma injeção de ânimo pra vida. Estava se deixando de lado. Claro que não é necessário estar ao lado de um homem pra se sentir mulher, feminina. O problema é que ela deixou o amor próprio de lado e só vivia para o trabalho e os filhos. Quando não existe amor próprio, fica complicado amar de verdade outra pessoa. 

E o Caio é aquele rapaz cheio de vida, atraente, que realmente chama a atenção das pessoas por onde passa. Sempre foi um garoto calmo, espontâneo, e que também tinha fama de pegador. 

Mas no fundo mesmo, ele era apaixonado, louco, por Norah. E o sentimento dele é tão forte que também parece doentio e vocês saberão porque quando tiverem a oportunidade de conhecer essa linda história de amor.



Ao falar sobre a diferença de idade entre o casal, comecei a refletir sobre como a mulher de todo jeito é julgada. Se ela está interessada em um rapaz bem mais jovem, ela é rotulada como a 'papa-anjo' - como diz os mais velhos, e até mesmo pessoas novas; Se ela está interessada num rapaz mais velho, ela é considerada a interesseira do pedaço. Não tem pra onde correr. De todo jeito a mulher é rotulada com algo pejorativo. Já o homem de um jeito ou de outro, leva a fama de pegador. Às vezes até de interesseiro, mas no fundo é considerado o pegador. 


"Nunca, ninguém agrada todo mundo Norah. [...] Se todos fossem se importar com as críticas, quase não existiriam casais. Não dá pra ser perfeito sempre."

Adoro a Halice FRS. Ela saber escrever uma história intensa do início ao fim, sempre com erotismo e muito romance, muito mesmo. E "Proibido Pra Mim" é assim, intenso, verdadeiro, crítico e apaixonante. Espero que vocês também leiam e se envolvam nessa leitura tanto quanto eu. Garanto que não irão se arrepender de ter lido.



Esse livro foi publicado de forma independente. A edição está muito bonita; capa bem chamativa, diagramação muito bem organizada, a fonte tem um tamanho bem agradável pra leitura, as folhas são levemente amareladas e o livro também possui orelhas. Além disso, os capítulos são bem curtos - o que contribui ainda mais na fluidez da leitura.

Para quem não sabe, esse livro é especialmente dedicado a narrar a história de Norah e o desenvolvimento do romance com foco nela, mas, também, existe uma edição do livro intitulada de "Perfeita Pra Mim", onde o foco é total em Caio e no desenrolar do relacionamento dele com Norah.

Vocês podem achar que é tudo igual, mas garanto que não. Já li "Perfeita Pra Mim" e as histórias realmente são independentes. Em breve trago a resenha dele por aqui, mas recomendo bastante que leiam primeiro esse volume e depois o outro. 

E só digo mais uma coisa: não deixem de ler rsrs. Vale muito a pena! 😉

Falei com a Halice FRS e perguntei pra ela quais atores - nacionais ou internacionais - poderiam interpretar Caio, Norah, Cássio e Eliza nos cinemas, caso o filme fosse adaptado para as telonas. Confira a resposta dela:



Pela ordem: Letícia Spiller, como Norah; Caio Paduan, como Caio; Jessika Alves, como Eliza; e Felipe Lima, como Cássio. 

Já fiquei na vontade. Quero esse filme pra hoje rsrs. 

Aproveitando o momento, dá o play aí e ouçam uma das músicas que fazem parte da playlist do livro. Ouça "Bem Apaixonado", música da dupla Israel & Rodolfo:




📚Quando você compra na AMAZON através do Blog do Pedro Gabriel, você contribui para o crescimento do blog e realização de mais sorteios.📚


Me acompanhe nas redes sociais:

Instagram | Twitter | Facebook | Skoob | Spotify: PedroGabrielB

Sugestão de pauta ou parceria: 
pedrogabrielb@bol.com.br


4 comentários:

  1. Meu Deus Pedro eu vou à falência kkkk amei sua resenha e já quero esse livro viu haha anotei na minha enooooorme lista kkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkk Fico feliz que também tenha ficado interessada em ler Proibido Pra Mim. É uma história linda. Gostei demais. Uma das melhores leituras que já tive em 2018.

      Espero que você também tenha essa oportunidade de ler o livro :)

      Bjo.

      Excluir
  2. Que massa sua resenha, Pedro! Gosto muito de ver meus personagens pela óptica do leitor e vc os descreveu exatamente como os vejo, sinal de que consegui passar o recado. Obrigada! Eu simplesmente amei.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Halice <3

      Eu fiquei tão feliz em poder ler mais esse livro escrito por você. Suas histórias, sua escrita, são fabulosas. Eu desejo muito que mais pessoas possam conhecer seu trabalho como escritora e que você continue sua jornada no ramo, pois talento você tem demais. Parabéns!

      Bjoooo.

      Excluir

Leia antes de fazer seu comentário:

- Os comentários do blog são moderados e serão liberados após constatação de que estão de acordo com o assunto dos post.
- Os comentários não refletem a opinião do autor.
- Comentem à vontade. Dê sua opinião, sugestão ou reclamação.
- Me sigam no Twitter: @pedrogabriel13p
- Lembrem-se de curtir a fã Page do Blog na Lateral.
- Me sigam também no Instagram: @BlogDoPedroGabriel

Desde já agradeço a atenção de vocês e espero que voltem ao Blog do Pedro Gabriel quantas vezes quiserem ;)

Blog do Pedro Gabriel | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © 2012 - 2018 | POR:
COMPRE AQUI O LAYOUT QUE SEU BLOG MERECEBILLION DOLLAR LAYOUTS