20/05/2018

Resenha: "O Casarão da Rua 62", de Caetano Cônsolo

Resenha por: Pedro Gabriel 
Obra: O Casarão da Rua 62
Autor: Caetano Cônsolo
Editora: Scortecci (Grupo Editorial Scortecci) 
Gênero: Romance/Suspense/Terror
Páginas: 138
Ano: 2015
Onde Comprar: Amazon - Físico | Livraria Asabeça 
Adicione: Skoob
Nota: ★★★★☆ 
Livro cedido pelo autor em parceria com a editora.
SINOPSE: Naquela manhã gélida, Marco leva consigo apenas uma mochila carregada de sonhos e pesadelos. Nas colinas enquanto o frio castigava os transeuntes, Marco observava as labaredas da lareira. Seu pensamento voava como o vento. Em sua mente flashes passavam como um filme em alta rotação. Os momentos felizes ao lado de Renata deixaram marcas profundas, mas a perda repentina do seu grande amor eram tão doloridas como punhaladas em seu coração. Marco não queria amar outra mulher. Em seu coração não existia mais espaço para outro amor. Como um navegante em alto mar sem equipamentos de orientação ele entra em desespero. Com apenas uma mochila nos ombros ele parte rumo ao desconhecido em busca de respostas que possam acalmar seu coração.Nessa longa viagem ele se depara com uma linda mulher e um grande mistério para desvendar. Trata-se do caso do Casarão da Rua 62.Outras histórias de amores perdidos atravessam seu caminho. Entre essas histórias está o de uma garota do Sul do país que em sua inocência é fisgada pelo falso amor de um rapaz rico e atraente. É um belo romance marcado por mistérios, tragédias, e amor incondicional.

💗💀🚫🏠

Marco carregava consigo uma dor do passado - nem tão distante - que ainda machucava muito. Era a dor de ter perdido Renata, seu grande amor. 

Quando mais novo, Marco era apaixonado por Renata, que estudava na mesma turma que ele na faculdade. Tímido, quase perdeu de vez a chance de declarar tudo o que ele sentia por ela, mas conseguiu. 


Eles começaram a se relacionar amorosamente. A sintonia dos dois era intensa e fascinante. Mas, a felicidade do casal logo teve fim. O pai de Renata recebeu uma proposta de emprego fora do país e iria se mudar com toda a família, inclusive com Renata. 

Ela avisou a Marco e até propôs que fugissem, mas infelizmente ela partiu e nem teve tempo de se despedir do seu grande amor. 

Triste com a partida dela, Marco arruma suas coisas e resolve sair de casa, deixando os estudos e os pais para trás. Foi em busca de se reerguer emocionalmente longe de onde sempre viveu, seguindo seu rumo sozinho, como um andarilho.


Desde sua grande decepção amorosa, Marco criou uma barreira entre ele e o amor, assim, evitava sofrer novamente com esse sentimento arrebatador, mas se dedicava a esclarecer casos de amorosos perdidos. 

Foi em uma de suas andanças que ele ouviu falar do casarão da Rua 62 e partiu para as serras de Santa Catarina atrás dessa tão famosa residência, que estava abandonada e possuía histórias misteriosas a respeito dela. 

Uma das que ele ouviu sobre o casarão, é que nele houve um massacre envolvendo um casal apaixonado e desde então a casa estava abandonada, até porque diziam que lá habitam almas penadas.


Ele se hospeda numa pousada e começa a investigar sobre o misterioso casarão. Logo, ele começa a contar com a ajuda de duas pessoas da cidade, que forneceram informações valiosas que darão um 'norte' em sua jornada.

"Após caminhar cerca de três horas sem descanso, logo avistei o meu ponto de referência. Uma placa amarrada em uma árvore tinha os seguintes dizeres:  AQUELES QUE AQUI VIERAM, FICARAM PARA A ETERNIDADE. Era a indicação de que a Rua 62 estava próxima."



O que Marco não imaginava é que logo estaria correndo perigo de vida, pois, aos poucos, as pessoas vão tendo conhecimento da presença dele na cidade e isso vai despertando a Ira de muita gente que, de alguma forma, possui alguma ligação com esse velho casarão.

Mesmo com esse turbilhão de acontecimentos e obstáculos que serão enfrentados, as chamas do passado serão reacendidas e uma barreira poderá ser destruída: a dor amor.

Será que Marco vai conseguir desvendar o mistério por trás do casarão da Rua 62? E será que ele conseguirá dar uma chance ao amor?



"Meu mundo era transformado a cada dia. Era como se a cada instante ela trouxesse mais brasa para aquecer a chama ardente da lareira da paixão."

Com uma escrita envolvente e poética do início ao fim, o autor brasileiro Caetano Cônsolo consegue fisgar o leitor pra valer na busca de Marco por respostas concretas sobre o passado do casarão da Rua 62.

O autor consegue descrever tão bem os cenários, que o leitor consegue visualizar muito bem todo o ambiente, e isso ajuda ainda mais. É realmente fascinante a escrita dele. A pessoa começa a 'devorar' as páginas do livro de um jeito que nem percebe que já leu bastante.

Os personagens foram muito bem construídos, principalmente o Marco. A história de amor dele com a Renata é muito bonita. Chega a ser bem emocionante o jeito como ele se declara pra ela e pensa nela.


Sobre o romance, eu fui pego de surpresa. Pois, julgando pela capa e a sinopse, imaginei que o livro fosse Terror, mas me enganei. A história é bem carregada de suspense e romantismo. De qualquer forma, o engano foi ótimo, pois a leitura foi maravilhosa. Gostei bastante!

Além de falar bastante sobre o amor intenso e verdadeiro, o autor aproveita a obra pra trazer reflexões importantes sobre a esperança, o perdão, a ganância, os medos que nos acompanham... enfim, sobre diversos assuntos.

Em suma, posso dizer que foi muito boa a experiência de ler "O Casarão da Rua 62". Foi um livro de altas e baixas emoções, que me fez ler ele bem rapidinho pra poder saber o desfecho - e que final! Recomendo bastante a leitura para os amantes de suspense e romance.


O livro foi publicado através da Editora Scortecci - pertencente ao Grupo Editorial Scortecci

O livro tem uma capa bem instigante, a diagramação está bem organizada, a fonte tem um tamanho agradável, as folhas são brancas e o livro possui orelhas.


"O amor é como um laço traiçoeiro. Quanto mais tentamos desamarrar, mais apertado ele fica. Aos poucos, ficamos sufocados."


📚Quando você compra na AMAZON através do Blog do Pedro Gabriel, você contribui para o crescimento do blog e realização de mais sorteios.📚

Me acompanhe nas redes sociais:

Instagram | Twitter | Facebook | Skoob | Spotify: PedroGabrielB

Sugestão de pauta ou parceria: 
pedrogabrielb@bol.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Leia antes de fazer seu comentário:

- Os comentários do blog são moderados e serão liberados após constatação de que estão de acordo com o assunto dos post.
- Os comentários não refletem a opinião do autor.
- Comentem à vontade. Dê sua opinião, sugestão ou reclamação.
- Me sigam no Twitter: @pedrogabriel13p
- Lembrem-se de curtir a fã Page do Blog na Lateral.
- Me sigam também no Instagram: @BlogDoPedroGabriel

Desde já agradeço a atenção de vocês e espero que voltem ao Blog do Pedro Gabriel quantas vezes quiserem ;)

Blog do Pedro Gabriel | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © 2012 - 2018 | POR:
COMPRE AQUI O LAYOUT QUE SEU BLOG MERECEBILLION DOLLAR LAYOUTS