07/11/2018

Resenha: "Em Pedaços", de Lauren Layne

Resenha por: Pedro Gabriel 
Obra: Em Pedaços (#1)
Autora: Lauren Layne 
Editora: Paralela (Companhia das Letras) 
Gênero: Ficção/Romance/Erótico
Páginas: 248
Ano: 2018
Onde Comprar: Amazon - Físico ou E-book 
Adicione: Skoob
Nota: ★★★★☆ 
Livro cedido pela editora.
SINOPSE: Uma garota com segredos corrosivos. Um ex-soldado com cicatrizes externas e internas. Um amor que pode salvar ambos... ou destrui-los de vez. Aos vinte e dois anos, Olivia Middleton tem Nova York aos seus pés. Por fora, ela é a garota perfeita — linda, inteligente e caridosa — mas, por dentro, guarda um segredo terrível: um erro que a afastou das duas únicas pessoas que realmente importavam na sua vida. Determinada a esquecer o passado, ela deixa Manhattan e vai trabalhar como cuidadora de um soldado recém-saído da guerra. O que ela não esperava era que seu paciente seria um jovem enigmático de vinte e quatro anos tão amargurado quanto atraente. Paul Langdon está furioso — com o mundo, com a vida, com o seu pai e, principalmente, consigo mesmo. Depois de sofrer na pele os horrores da Guerra do Afeganistão, a última coisa que ele quer é a companhia de uma princesinha nova-iorquina linda, mimada e irritante. A presença de Olivia parece tóxica para Paul: ela o incomoda, mas ele não consegue afastá-la, por mais que tente. Nessa recontagem moderna de A Bela e a Fera, Lauren Layne nos traz uma história irresistível de perdão, cura e, acima de tudo, amor.

👩💗👦

A trama narra a história de Olivia Middleton, 22 anos, que mora em Manhattan e leva uma vida de luxo com sua família. Uma vida bem de patricinha, mas de repente Olivia resolve mudar essa realidade. Larga o último ano na faculdade e sua vida de glamour e vai para Bar Harbor, uma cidade dos Estados Unidos, para ser voluntária cuidando de um veterano de guerra, que há alguns anos estava vivendo uma mudança radical em sua vida. 


Paul Langdon, 24, era soldado. Se aposentou da profissão após um conflito no Afeganistão em que ficou gravemente ferido na perna e com grandes cicatrizes em parte do rosto. Ele foi o único sobrevivente de uma emboscada. Viveu para contar a história, mas 'revive' o mesmo pesadelo diariamente. 

As marcas da batalha foram profundas não só na pele, mas também na alma do jovem rapaz. Com isso, ele acabou se excluindo do convívio com amigos, família e qualquer outra pessoa. Se tornou uma pessoa ignorante e solitária. 

Todos os cuidadores que o pai empresário tentou contratar, não conseguiram fazê-lo mudar ou enxergar novamente a vida através das cortinas de sua casa. Todos foram embora por não aguentar o seu jeito rude de ser. Ele acabou se tornando um rapaz difícil de conviver e aturar.



"Ela é uma tentação. Não só de um jeito sexual, embora tenha isso também. Mas, só de olhá-la rapidamente, já me sinto tentado por algo pior: o desejo de ser normal."

Mas é com a chegada de Olivia que tudo pode melhorar. Ou piorar! A beleza da garota desperta os sentimentos mais profundos de Paul. Devido às marcas da guerra, sua autoestima ficou bastante abalada. Com isso, a própria exclusão em casa foi a alternativa que ele encontrou para se livrar dos olhares atravessados por causa de suas cicatrizes no rosto e na perna.



A relação de Olivia e Paul será bastante conturbada. Fortes segredos virão à tona, cicatrizes do passado poderão ser cicatrizadas e uma atração mútua poderá embalar os corações desses dois jovens perdidos em seus medos e arrependimentos. Mas será que em meio a toda essa confusão, haverá chances para o amor? 


"Essa garota é tóxica. Posso ser legal com uma das cuidadoras do meu pai, mas não vai ser com ela. Aceito qualquer pessoa menos ela. Uma velhinha trêmula, uma cristã arrogante, até uma tirana ranzinza, mas não vou passar todos os dias com uma garota que me faz lembrar do que não posso ter."




"Em Pedaços", da Lauren Layne, é um daqueles romances que você pensa que poderá ser mais um clichê, mas acaba se surpreendendo por diversos motivos. Nele, encontramos dois jovens com angustias diferentes. Uma fugindo de seus erros e o outro em busca de isolamento, mas no fundo precisando ser amado. Não somente por uma pessoa para amar e chamar de 'sua', mas, também, ele precisava do amor do pai, principalmente após um acontecimento tão marcante em sua vida. 

A relação pai e filho foi abalada e ficou complicado para o jovem Paul tentar mudar também. Ele até tem um bom coração, sofre uma batalha interna após uma perda irreparável, mas acabe sendo muito insensível com os outros. E esse jeito rude não lhe dá direito de descontar sua ignorância nas pessoas que tentam ajudá-lo de alguma forma, mas é o que acaba acontecendo na relação dele com Olívia, que em certos momentos podemos perceber, claramente, o desenvolvimento de uma relação abusiva. 



Do outro lado, é possível compreender a situação de Olívia. Ou não, aí vai do ponto de vista de cada um. Chega, não revelo mais nada! Só que digo uma coisa: a Lauren Layne adora criar essa confusão de sentimentos - ódio, raiva, alegria e amor - nos leitores de suas histórias rsrs. 

Esse foi o meu segundo contato com alguma publicação da autora. Li "Mais que amigos", escrito por ela, e foi uma ótima experiência, mas bem menos complexo. O outro era uma comédia romântica. Já "Em Pedaços" possui bastante drama, romance e uma dose de erotismo. 



Para os amantes de romances assim, "Em Pedaços" vai agradar bastante e poderá causar algumas repulsas em relação ao modo como Paul trata a Olívia em alguns momentos. Mas é uma coisa é certa: a química dos dois é encantadora! 

Toda a narração da obra é feita sob a perspectiva de Olívia e Paul, o que é um ponto positivo, pois apresenta ao leitor o que se passa com os dois protagonista: seus segredos, tristezas, desejos mais íntimos, etc. 



No Brasil, a publicação da obra foi feita pela Editora Paralela, selo pertencente ao Grupo Companhia das Letras. O livro tem uma capa muito bonita, a fonte tem um tamanho agradável, a edição possui orelhas e as folhas são amareladas - o que contribui na fluidez da leitura. 

Já digo que esse é o primeiro volume de uma série "Recomeços". No próximo volume, que será um prequel, iremos conhecer a história de um dos personagens presentes no volume "Em Pedaços". 


📖Boa leitura, pessoal!📖



📚Quando você compra na AMAZON através do Blog do Pedro Gabriel, você contribui para o crescimento do blog e realização de mais sorteios.📚

Me acompanhe nas redes sociais:

Instagram | Twitter | Facebook | Skoob | Spotify: PedroGabrielB

Sugestão de pauta ou parceria: 
pedrogabrielb@bol.com.br


2 comentários:

  1. Oi Pedro, tudo bem.
    Essa adaptação de A Bela e a fera já me conquistou. Já li o primeiro livro da autora e gostei muito da escrita dela. Sou apaixonada por romances mesmo sendo clichezão. Que bom que as perspectivas diferentes dos personagens foi mantida, isso é um ponto positivo.
    Ótima resenha!

    Até mais!
    Lídia
    https://www.depoisdaleitura.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lídia! Tudo bem? :)

      Sim, a narrativa ficou ótima. Gostei muito!!!
      A gente nunca dispensa um clichê, né? Não há como remar contra a corrente nesse caso aí kkkkkk

      Fico feliz que tenha gostado da resenha. Obrigado pela visita.
      Até mais!
      Xerooo <3

      Excluir

Leia antes de fazer seu comentário:

- Os comentários do blog são moderados e serão liberados após constatação de que estão de acordo com o assunto dos post.
- Os comentários não refletem a opinião do autor.
- Comentem à vontade. Dê sua opinião, sugestão ou reclamação.
- Me sigam no Twitter: @pedrogabriel13p
- Lembrem-se de curtir a fã Page do Blog na Lateral.
- Me sigam também no Instagram: @BlogDoPedroGabriel

Desde já agradeço a atenção de vocês e espero que voltem ao Blog do Pedro Gabriel quantas vezes quiserem ;)

Blog do Pedro Gabriel | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © 2012 - 2018 | POR:
COMPRE AQUI O LAYOUT QUE SEU BLOG MERECEBILLION DOLLAR LAYOUTS