sponsor

sponsor
Tecnologia do Blogger.

Slider

Lançamentos

Resenhas

Quotes

Tags

Entrevistas

Eventos

Sorteios

» » » » » Quando a audiência é mais importante que as vidas por trás de um crime

A obra tece crítica sobre a espetacularização da cobertura jornalística de grandes tragédias e narra a história de uma chacina pelas perspectivas das vítimas e do assassino. Uma reflexão em tempos de fake news e viralização de notícias via whatsapp. (foto: blog Entre páginas e café

O que parecia ser um belo domingo em família na praça principal da pacata cidade de Bento Costa, em Minas Gerais, se transformou em um terrível pesadelo. Eram por volta das nove da noite quando sete tiros são ouvidos, vindos de uma rua próxima à praça lotada, espalhando pânico e terror.


Sete corpos são encontrados em uma rua sem saída e, aparentemente, a única coisa em comum entre as vítimas é que todos tinham 26 anos. Inspirada em casos de comoção nacional, a obra "Lentes Avulsas", do jornalista e administrador de empresas Raphael Vitoriano, tem como ponto de partida o mistério que envolve uma chacina que comoveu o país: quem é (ou são) o assassino?

Bento Costa, que antes era quase esquecida, se vê diante dos holofotes da imprensa nacional que noticiou tudo sobre o caso, menos a verdade. Sob a pressão da mídia, a polícia se vê obrigada a dar uma solução imediata à tragédia, vendo uma saída fácil ao atribuir o crime à uma quadrilha famosa por realizar assaltos a postos de gasolina e casas lotéricas na cidade do que buscar a fundo os verdadeiros culpados.

Pelas perspectivas das próprias vítimas e do assassino, a obra destrincha a fundo os fatos que envolvem cada personagem: suas vidas, relações, qualidades, defeitos e a motivação do crime. Aos poucos, o leitor constrói o quebra-cabeças sobre as conexões que existem entre as vítimas e a relação entre elas e o assassino.

O autor ainda provoca uma discussão sobre as problemáticas éticas e morais da sociedade, expondo como cada pessoa é uma peça dentro de um jogo muito maior e a influência que a ação de cada um pode ter na vida do outro.

A cada capítulo é explícito como o sensacionalismo que envolve as grandes coberturas jornalísticas de tragédias se sobressai ao simples fato de noticiar. Tudo pela audiência. E quem está errado nesse ciclo vicioso? O público que quer consumir cada vez mais esse tipo de matéria ou os veículos de comunicação que também precisam dessa audiência?

Em meio a muito suspense e mistério, "Lentes Avulsas" convida os leitores a se permitirem analisar todos os ângulos de um fato, por maiores que sejam as evidências. Atual e crítica, a obra traz questionamentos necessários sobre a sociedade contemporânea e questiona: será que tudo o que vemos nos noticiários é realmente a verdade?

Adicione: Skoob | Páginas: 214 | Autor: Raphael Vitoriano | Compre: Loja virtual da Autografia Editora 

Sobre o autor

Raphael Vitoriano é jornalista e administrador de empresas. É sócio-diretor de uma agência de publicidade e propaganda em Varginha/MG. Escreve desde os 10 anos. Foi repórter e colunista de jornais e blogs do Sul de Minas, onde publicava poesias, crônicas e contos literários. É um viciado em livros, filmes, novelas, séries e teatro.



📚Quando você compra na AMAZON através do Blog do Pedro Gabriel, você contribui para o crescimento do blog e realização de mais sorteios.📚

Me acompanhe nas redes sociais:

Instagram | Twitter | Facebook | Skoob | Spotify: PedroGabrielB

Sugestão de pauta ou parceria: 
pedrogabrielb@bol.com.br


«
Next
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Leia antes de fazer seu comentário:

- Os comentários do blog são moderados e serão liberados após constatação de que estão de acordo com o assunto dos post.
- Os comentários não refletem a opinião do autor.
- Comentem à vontade. Dê sua opinião, sugestão ou reclamação.
- Me sigam no Twitter: @pedrogabriel13p
- Lembrem-se de curtir a fã Page do Blog na Lateral.
- Me sigam também no Instagram: @BlogDoPedroGabriel

Desde já agradeço a atenção de vocês e espero que voltem ao Blog do Pedro Gabriel quantas vezes quiserem ;)